(Refrão) Zé por que, que eu fui gosta do cê? (2x) (Refrão)

Eita mundão véio sem porteira
Desgraça pouca é bobagem
A comida do porco é lavagem
E o carro da puta é o Voyage.

Gente guarde na memória
Essa minha história que eu vou contar
Eu era uma mocinha com as tetas durinhas
Tudo no lugar
Qualquer rua que eu passava
Os rapaz paravam pra me paquerar
Deixava eles de pau duro
Pra vocês eu juro
Eu era de arrasar

(Refrão)

Eita mundão, mundinho, mundaréu
Cabeça é pra usa chapéu
A mulher que não dá não vai pro céu
E o carro da puta é o Corcel.

Gente eu era boazuda
Era cabaçuda, era um tezão
Um dia encontrei o Zé
Que me fez muié
E fez meu coração
Eu achava ele batuta
Ma esse fia da puta
Num era isso não
Me arrastou lá no capim
E me deixou assim
Com esse barrigão

(Refrão)

Zé você foi ingrato
Me levo pro mato
Me adisvirginou
Hoje to toda fudida
Com as tetas caídas que você chupou
Zé vô corta teu saco
Pra tapa o buraco
Que você me fez
Zé pra fala a verdade
Eu to com vontade
De dá pro cê outra vez

Falsche Video?