Oh meu bem aparte aparte - oioai
O queixo tinto do branco - oioai
também eu fui apartada - oioai
Dum amor que queria tanto.

Ora zumba na caneca
Ora na caneca zumba
O diabo da caneca
Toda a noite catrapumba.

A uva que tem gainhas - oioai
É fruto de bom sabor - oioai
São com'os beijos que levo - oioai
Da boca do meu amor.

Ora zumba na caneca
Ora na caneca zumba
O diabo da caneca
Toda a noite catrapumba.

Barrão, bombos e foguetes - oioai
Lá na quinta do Outeiro - oioai
Mata-s'o porco em Dezembro - oioai
Prova-se o vinho em Janeiro.

Ora zumba na caneca
Ora na caneca zumba
O diabo da caneca
Toda a noite catrapumba.

Viv'a festa da diafa - oioai
Vivam todos quanto estavam - oioai
E viva o nosso arrigueiro - oioai
Com uma caneca na mão.

Ora zumba na caneca
Ora na caneca zumba
O diabo da caneca
Toda a noite catrapumba.

Pumba, pumba
Cratapumba, pumba, pumba.
Cratapumba, pumba, pumba.
Cratapumba, pumba, pumba.
Cratapumba, pumba, pumba.
Cratapumba, pumba, pumba.
Cratapumba, pumba, pumba.
Cratapumba, pumba, pumba.

Ora zumba na caneca
Ora na caneca zumba
O diabo da caneca
Toda a noite catrapumba

Falsche Video?