Eu tenho andado, desviado por você,
O meu estado é meio frágil chego a estremecer,
E o que acontece entre nós dois,
Amor...
Eu tenho andado meio estranho, menos divertido,
O meu sexto sentido quer você,
O meu sentido de viver,
Amor...
E o que é que a gente faz quando se ama demais,
Pra onde a gente vai,
Quando não tem como voltar atrás,
E é assim que eu me sinto perante a você...
Descartável,
Como um papel rasgado e amassado assim jogado ao céu,
Que me deixa de lado amor,
E vez em quando vem trazer seu mel,
E eu me sinto assim...
Vulnerável,
Tão certo e tão errado ao mesmo tempo,
Não sei o que fazer, se eu luto por você ou pra te esquecer,
Ainda não sei dizer.

Falsche Video?