Que tal a jogada do tufão chinês
Que pinta o vento de todas as cores
E gira a Terra toda de uma vez
Motores do vento, ventiladores

Faça um cabo de guerra com a solidão
Entrego tudo o que não me interessa mais
Fiz a fogueira com a minha rendição
E já sou tudo o que me resta
O que me resta sou eu

Que tal a jogada do tufão chinês
Que pinta o vento de todas as cores
E gira a Terra toda de uma vez
Motores do vento, ventiladores

O olho cansa de tanto chorar
De ver o mundo que nós inventamos
E a cabeça já nem gira se é pra olhar
O grande lixo que nós acabamos
Nós nos acabamos sempre