Os dias passam como séculos
Quando estou longe de você
Pela janela eu vejo a chuva a cair
Pois não há nada pra fazer
E eu conto as horas pra te ver

Mas isso não faz sentido algum
Porque o tempo congelou
O canário já parou de cantar
E a margarida já murchou
E a semente não brotou

Quando você não está ao meu lado
O tempo fica parado
E eu fico tentando montar as peças
De um quebra cabeça quebrado

Por todo lugar que eu passo
Parece que vejo você
Quem sabe seja o primeiro passo
Para eu me convencer
Que é impossível te esquecer

Você é a ponta do meu compasso
Que agora está longe de mim
Fico perdido em meu próprio passo
Rumo à uma estrada sem fim
Você é a flor do meu jardim

Quando você não está ao meu lado
O tempo fica parado
E eu fico tentando montar as peças
De um quebra cabeça quebrado
Esse quebra cabeça é o meu coração
Que agora está em mil pedaços
E para juntar novamente as peças
Eu preciso do seu forte abraço