Foi num domingo que eu te conheci, que parecia só mais um normal
Foi quando eu menos percebi, você já estava aqui, foi surreal
Queria apenas te fazer sorrir ou ser apenas um amigo a mais, te ver
Então teu jeito me surpreendeu, te esquecer não deu
O que é que eu vou fazer?

Tento não olhar para o relógio, pra não ver as horas quando vai partir
E quando essa hora chega e você vai, a tua metade fica aqui, em mim
Vejo o meu rosto distorcido nesses olhos lindos, que estão a chorar
Num beijo ou num abraço, a despedida é a dor da falta que você me faz

Tudo vai passar e eu vou te ter
Sei que não vai me deixar, pois eu não vou tambémNão, não vá embora
Aqui é o seu lugar
Não, não vá embora
Se for, eu vou atrás

Fico aqui, contando os dias e fazendo planos pra poder te ver
Pensei até em largar do emprego e trocar meus sonhos todos por você
Eu tento te esquecer numa fração e focar mais no que fazer, mas nunca dá
Se em tudo que eu penso você sempre está, do dormir ao acordar

Tento não olhar para o relógio...

Falsche Video?